X

Vespa do Mar – Conheça o veneno mais poderoso do Reino Animal

Conheça um dos animais mais perigosos do mundo, uma água viva mortal

A vespa do mar é uma água-viva e possui um dos venenos mais poderosos de todo reino animal. Seu veneno, ao contrario de outras águas-vivas, podem ser encontradas não só nos tentáculos, mas em todo o corpo. É encontrada principalmente na Austrália.

As vespas do mar fazem parte do Filo dos Cnidários, o mesmo das anêmonas, corais e outras águas vivas. Faz parte dos cubozoários, que são os animais mais perigosos desse filo.

O que faz a vespa do mar tão mortal?

Existem muitas criaturas nesta terra que são bastante mortais para os humanos. Talvez, o que representa a maior ameaça para nossas vidas sejam criaturas que não podemos ver – micróbios .

Esses são os microrganismos que geralmente chamamos de germes, aqueles que nos deixam doentes. De um modo geral, os germes causadores de doenças são responsáveis ​​pelo maior número de mortes humanas a cada ano.

Mas o que estamos falando aqui são as criaturas venenosas, aqueles cujos corpos fabricam toxinas que pode ser, ingerido ou injetado em outro animal, causando doença grave ou morte.

Só para citar algumas das criaturas mais venosas do reino animal, há os sapos mortais das florestas brasileiras, peixes-pedra, cobra coral, a cobra mamba negra e até mesmo um minúsculo polvo que vive em águas tropicais.

Quando as criaturas são classificadas como “fator de letalidade”, há algumas medidas que são levadas em conta:

1) Quantas pessoas um ml do veneno da criatura pode matar

2) Quanto tempo você leva para morrer desse veneno depois de ser mordido, picado ou ingerido.

Em ambos os casos, o vencedor do grande prêmio e recordista mundial é a criatura conhecida como vespa do mar.

O veneno de uma única criatura pode matar até 60 adultos! Já foram registradas mais de 100 mortes pelas picadas de um Chironex fleckeri e muitas outras foram picadas, mas viveram.

Se você tocar em uma chironex, você pode estar morto em quatro minutos.

O nome vespa do mar é enganador porque a criatura não é realmente uma vespa ou inseto. É uma água-viva. O “sino” desta água viva pode ficar tão grande quanto uma bola de basquete com até 60 tentáculos pendurados até 4 metros, o que é muito bom tamanho para uma água viva.

Assassinas silenciosas

Uma vespa do mar não é agressivos. Eles não precisam ser. Elas ótimas são nadadoras e nadam mais rápido que um ser humano (até 7km/h), balançando seus longos tentáculos nas ondas até que algo, geralmente um peixe, seja pego em seus tentáculos praticamente invisíveis.

É aí que todos os seus nematocistos (cápsulas pungentes contidas dentro de células chamadas cnidócitos localizados ao longo dos tentáculos) estão localizados.

A maioria das pessoas que foram picadas são australianos que estavam nadando nas ondas junto com as vespas do mar e nunca sequer viram os tentáculos.

O veneno é usado para matar suas presas o mais rápido possível, a fim de evitar que uma vítima se debata e assim danificar tecidos delicados. Em seguida, eles podem levar um tempo devorando sua refeição sem risco de prejuízo para si mesmos.

Toxinas Mortais

O que é realmente incrível é como os cnidócitos funcionam. Eles têm pequenos dardos venenosos, os nematocistos, que estão presentes em todo o tentáculo.

Eles são acionados quimicamente, contatando a superfície da pele humana ou a pele escamosa de um peixe.

Os cientistas capturaram vespas do mar e as colocaram em tanques no laboratório. Simplesmente por despejar álcool no tanque, elas faziam as células pungentes reagirem e liberarem seu veneno.

Isso significa que, se os tentáculos da vespa do mar não entrarem em contato com os produtos químicos na pele humana, os nematocistos não responderão e você não será picado!

Como evitar acidentes com uma vespa do mar

Acontece que algo tão fino e frágil quanto a meia-calça de nylon das mulheres, usada sobre a pele, podem impedir um acidente com uma vespa do mar.

Os salva-vidas australianos sabem deste truque há anos. Pode parecer engraçado, mas isso pode impedi-los de sofrer dores agonizantes e até salvar suas vidas.

Nem todo mundo que foi picado por uma vespa do mar morreu. Diz-se que a picada de uma vespa do mar é terrivelmente dolorosa.

Pode causar náusea, vômito e problemas respiratórios. Os australianos desenvolveram um soro para neutralizar os efeitos tóxicos do veneno desse animal.

Você não iria ficar muito bem se apenas tiver um leve toque com essa água viva. Mas, se você se enroscar bem, sua morte pode ser inevitável, mesmo com o soro.

Assuntos Relacionados

Categorias: Mundo Animal