Aulas

O que é penetração viral

Entenda com um vírus consegue passar para o interior de uma célula hospedeira

A penetração viral é a fase em que um vírus passa para o interior de uma célula hospedeira. É a segunda fase da infecção, a primeira fase, a adsorção viral, o vírus se liga a uma estrutura presente na membrana celular. Logo após a adsorção, o virion estará pronto para invadir a célula.

A penetração viral pode variar dependendo do tipo de vírus. Se o vírus possuir um envelope viral, a infecção será diferente se o vírus possuir apenas o nucleocapsídeo

Veja uma vídeo animação abaixo para visualizar entrada de um vírus no interior da célula e as principais fases da replicação viral e

Como ocorre a penetração viral

A penetração viral pode ocorrer basicamente de três maneiras: endocitose, entrada por fusão de membranas ou translocação.

penetração viral por endocitose, entrada por fusão de membranas ou translocação

Na penetração por endocitose a proteína viral se liga a membrana plasmática evolverá o vírus que em seguida passará para o interior da célula

A entrada por fusão de membranas só acontece em vírus que possuem envelope viral. O envelope vai se fundir com a membrana da célula liberando assim o capsídeo viral.

No processo de translocação do virion ou do seu material genético do espaço extracelular para o citoplasma da célula hospedeira. A entrada é obtida através da formação de poros, com ação de uma proteína receptora, que serpa responsável por transportar o material viral da membrana celular para o citoplasma da célula.

Muitos vírus são capazes de utilizar várias vias de captação, simultaneamente ou dependendo do tipo de célula hospedeira alvo.

Logo depois da penetração, tudo está pronto para a próxima fase: o desnudamento do genoma viral. Nessa fase o ácido nucleico do vírus estará pronto para a próxima fase da replicação.

Leitura sugerida

Referências bibliográficas

  • FLORES, Eduardo Furtado; KREUTZ, Luiz Carlos. Replicação viral. ORG., p. 107, 2007.
  • INFLUENZA, A. Virus. Avian Influenza. David Swayne, ed, p. 3-22, 2008. – Link

 

Daniel Pereira

Daniel Pereira é biólogo graduado pela Unesp e atualmente faz especialização em ensino de ciências e matemática. Professor de ciências e biologia é também o fundador do site Planeta Biologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar