Aulas

O que é Virion

Características e estruturas dos virions

Um virion é uma partícula isolada de um vírus na forma infeciosa. Os vírus passam por várias formas durante o seu ciclo. E quando ele está na forma mais completa, com a capacidade de infectar uma célula, chamamos essa forma de virion.

Eles são muito pequenos, com cerca de 20 a 250 nanômetros de diâmetro. Essas partículas virais individuais tem como sua principal característica a capacidade de infectar uma célula hospedeira.

Diferentemente das bactérias, que são em média 100 vezes maiores, não podemos ver os vírus com um microscópio óptico, com exceção de alguns grandes virions da família dos poxvírus.

Não era possível vê-los até o desenvolvimento do microscópio eletrônico no final da década de 1930.

Depois da invenção desse tipo de microscópio, os cientistas tiveram sua primeira boa visão da estrutura do vírus do mosaico do tabaco  e outros vírus.

A estrutura da superfície dos virions pode ser observada por microscopia eletrônica de varredura e transmissão, enquanto as estruturas internas do vírus só podem ser observadas em imagens de um microscópio eletrônico de transmissão.

O uso dessas tecnologias permitiu a descoberta de muitos vírus de todos os tipos de organismos vivos.

Eles foram inicialmente agrupados por morfologia compartilhada. Posteriormente, os grupos de vírus foram classificados pelo tipo de ácido nucleico que eles continham, DNA ou RNA, e se o seu ácido nucleico era de fita simples ou dupla.

Mais recentemente, a análise molecular dos ciclos de reprodução viral aprimorou ainda mais sua classificação.

Principais características e estruturas dos virions

Estruturalmente os virions são compostos por uma camada proteica externa chamada capsídio, o genoma viral que contém o ácido nucleico que pode ser ou RNA ou DNA.

Algumas formas podem ainda ter em suas estruturas um envelope viral e glicoproteínas.

estrutura dos vírus

Capsídio e capsômero

O capsídio envolve o genoma viral e esse conjunto é chamado de nucleocapsídio. Os capsídeos de um Virion são formados a partir de subunidades proteicas idênticas chamadas capsômeros.

Os vírus podem ter um “envelope” lipídico derivado da membrana celular hospedeira. O capsídeo é feito de proteínas codificadas pelo genoma viral e sua forma serve como base para a distinção morfológica.

Em alguns virions, o capsídeo é ainda envolvido por uma membrana lipídica, caso em que essa forma pode ser inativado pela exposição a solventes gordurosos, como éter, clorofórmio e álcool.

O núcleo confere infecciosidade e o capsídeo fornece especificidade ao vírus.

Muitos virions são esferoidais – na verdade icosaédricos (o capsídeo tem 20 faces triangulares) – com unidades regularmente organizadas chamadas capsômeros, dois a cinco ou mais ao longo de cada lado.

Capsômeros são subunidades dos capsídios e funcionam como encaixe. O conjunto dessas estruturas encaixadas formam o capsídio.

As subunidades de proteínas codificadas por vírus se auto-agrupam para formar um capsídeo, geralmente exigindo a presença do genoma viral.

Genoma dos virions

O ácido nucleico é densamente enrolado no interior e podem assumir diferentes formas, como o RNA de fita simples ou dupla. O mesmo acontecendo com o DNA, podendo ser de fita simples ou dupla.

Cada espécie possui apenas um tipo de genoma viral. Ou RNA, ou DNA. Nunca os dois ao mesmo tempo.

Retrovírus, como o HIV, possuem uma enzima chamada transcriptase reversa, que forma DNA a partir do RNA.

Os vírus da maioria das plantas são em forma de bastonete; o capsídeo é um cilindro nu (sem membrana gordurosa) dentro do qual se encontra uma haste reta ou helicoidal de ácido nucleico.

Os vírus complexos codificam proteínas que auxiliam na construção de seu capsídeo.

As proteínas associadas ao ácido nucleico são conhecidas como nucleoproteínas, e a associação das proteínas do capsídeo viral ao ácido nucleico viral é chamada de nucleocapsídeo.

O capsídeo e toda a estrutura do vírus podem ser sondados mecanicamente (fisicamente) por microscopia de força atômica.

O que é virion

Um virion é uma partícula viral completa que consiste em RNA ou DNA cercado por uma concha de proteína, constituindo a forma infectante de um vírus.

Provavelmente a estrutura de virion mais estudada é a do bacteriófago. Veja a imagem abaixo.

estrutura de um virion

Leitura sugerida

Referências bibliográficas

GIBSON, Wade. Structure and assembly of the virion. Intervirology, v. 39, n. 5-6, p. 389-400, 1996. – Link

Daniel Pereira

Daniel Pereira é biólogo graduado pela Unesp e atualmente faz especialização em ensino de ciências e matemática. Professor de ciências e biologia é também o fundador do site Planeta Biologia

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar